I'm fuckink Matt Damon

O brasileiro se acha bem humorado, e com isso se conforma com sua pobreza. Pensa que os habitantes de países desenvolvidos são tristes suicidas mal-humorados.
Em primeiro lugar, brasileiro é gozador. Gosta de tirar sarro com a cara dos outros. Mas isso não faz dele necessariamente um bem-humorado. Qualquer piada ou brincadeira que o atinja é motivo de cara fechada, briga de bar, processo ou intervenção do Itamarathy.
Já os americanos, ah, os americanos. Esses, sim, sabem tirar sarro de qualquer situação.
Vejam o caso a seguir. O apresentador de TV Jimmy Kimmel costumava brincar em seu programa dizendo que iria ter uma entrevista com Matt Damon, mas depois pedia desculpas a Matt Damon e dizia "nosso tempo acabou". Se isso acontecesse no Brasil, com um Lobão ou um Lulu Santos, só Deus sabe a repercussão.
Ao mesmo tempo, Matt Damon e Ben Affleck são amigos de muitos anos, de antes da fama, e correm boatos de que eles são um caso. Os dois poderiam jogar os bobs no chão e sapatear no salto alto como um Vitor Fasano ou tomar chá alucinógeno e renegar o público gay como Margareth Menezes pra tentar disfarçar. Ao invés disso, eles riem disso tudo e continuam levando a vida.
Pois bem, Sarah Silverman, namorada de Jimmy Kimmel, resolveu fazer essa brincadeira abaixo. Ela foi no programa do namorado e fez a seguinte revelação:



Você podem imaginar a namorada do Faustão, ou de um desses pagodeiros fazendo uma brincadeira dessas? Qual seria a reação do namorado? Bem essa foi a resposta de Jimmy Kimmel:



Isso é humor, brasileiros!

Comentários

  1. Me lasquei de rir... E o beijo de Harrison? TDB geral!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Os comentários são moderados, mas não são censurados. Caso seu comentário não vá ser exibido, uma explicação será dada.

Postagens mais visitadas deste blog

Então não vamos mais brigar

Respeito póstumo

O vento que venta aqui