Feliz 1º de Maio

Segundo o texto da 'The Economist', a produtividade média do trabalhador brasileiro estacionou ou até caiu nos últimos 50 anos.

A última edição da revista 'The Economist' traz uma reportagem crítica ao mercado de trabalho no Brasil e ao nível de produtividade dos trabalhadores. Com o título "Soneca de 50 anos", a publicação diz que os brasileiros "são gloriosamente improdutivos" e que "eles precisam sair de seu estado de estupor" para ajudar a acelerar a economia.

A reportagem comenta que "a partir do momento em que você pisa no Brasil você começa a perder tempo" e sugere que, após um breve período de aumento da produtividade vista entre 1960 e 1970, a produção por trabalhador estacionou ou até mesmo caiu ao longo dos últimos 50 anos.

Segundo o texto da 'The Economist', a produtividade média do trabalhador brasileiro estacionou ou até caiu nos últimos 50 anos.

A publicação citou que a produção de cada trabalhador foi responsável por 40% do crescimento do PIB do Brasil, enquanto na China e na Índia esse valor foi de 91% e 67% respectivamente. O baixo investimento em infraestrutura é uma das razões apontadas pelos economistas consultados pela revista para o baixo desempenho brasileiro. Outros fatores foram a baixa qualidade da educação e a má gestão das próprias empresas do País.


http://m.jornaldaparaiba.com.br/m/noticia/125012_revista-inglesa-chama-brasileiro-de-improdutivo/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Bate o sino, pequenino

Respeito póstumo

Então não vamos mais brigar