Todo menino é um rei

Eu nunca entrei em sites pro-monarquia, nem tive qualquer contato com grupos monarquistas. 
Até onde sei, sou a única pessoa do meu círculo de amizades que não acha a monarquia anacrônica ou incompatível com a democracia. 
Mas, sim, tenho certa simpatia com a causa, mas não a ponto de defendê-la como substituição da nossa República, como se isso fosse resolver os nossos problemas. 
O problema brasileiro passa pela educação (e não somente, mas também, estou falando de escolas) do povo. 
Mas acho bobagem essas críticas que fazem contra a monarquia, quando há várias monarquias cujas condições de vida da população são melhores do que a nossa em vários aspectos. 
Mas enfim. Hoje recebi esses adesivos pra carro:
Por que não? Tem um brasão da República lá e não tem me servido de nada. 
Agora o mais legal foi a cartinha que recebi. 
Eles dizem que não possuem dinheiro para fazer o número de adesivos que acham ideal para divulgar a campanha e querem um contribuição pra fazê-los. 
Mas essa tiragem, disseram eles, não é cobrada. É uma remessa de cerca de 4.000 dos quais eu recebi esses dois "em primeira mão". 
Vejam que honra. Eu já tenho amigos na corte. 
A depender do quanto eu contribuir, recebo mais adesivos. Preferia um título. Barão de Santa Teresa. Ou Visconde de Nazaré. 
Mas, de qualquer maneira, não vou contribuir, não. 
É que eu sou a favor de monarquia, mas de monarquia rica. De monarquia que fica pedindo dinheiro, eu não gosto, não. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Então não vamos mais brigar

Respeito póstumo

O vento que venta aqui