A Última Trombeta

Eu não sei se o público em geral sabe o que significa ter sido criado em família evangélica, nos anos 70 e 80.
Mas quem passou por essa experiência, não tem o menor pavor de fim de mundo.
Afinal, se a pessoa não se atirou de uma ponte na adolescência, é porque superou o pânico do apocalipse, pois conhecemos todos os horrores de um fim de mundo ouvindo A ÚLTIMA TROMBETA!








Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Bate o sino, pequenino

A carne mais barata do mercado...

Respeito póstumo