Por isso corro demais.



Esse vídeo de Disney é um dos que mais lembro da minha infância. Talvez por presenciar isso no meu dia-a-dia desde aquela época.


Pessoas realmente se transformam atrás de um volante.

Ontem ouvi um barulho aqui na rua e, depois de esperar um tempo por segurança, saí e soube que um Gol veio em alta velocidade, bateu no Uno que estava estacionado e saiu arrastando o carro, jogando-o em cima do passeio e batendo-o contra uma árvore. Depois o Gol saiu e deixou o Uno ali.
Agora imaginem a que velocidade que esse insano estava, numa rua interna de bairro residencial, para causar esse estrago:

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Bate o sino, pequenino

Respeito póstumo

Então não vamos mais brigar